Meio Ambiente

Paineiras encantam Brasília com suas flores

As barrigudas iniciam a temporada das árvores floridas na capital, anunciando a estação das copas coloridas em Brasília durante a seca

As paineiras, ou barrigudas, como são popularmente conhecidas, estão plantadas por todo o DF, e somam 80 mil árvores. A presença delas é marcante nos locais onde ostentam seu porte imponente e a beleza de suas flores. Essa espécie foi muito utilizada pela Companhia Urbanizadora da Nova Capital do Brasil (Novacap) na arborização de Brasília.

Seu nome científico é Ceiba speciosa e a espécie pode chegar a 20 metros de altura. O tronco normalmente é espinhoso quando a planta ainda é jovem e vai perdendo os espinhos na medida em que cresce. As folhas são palmadas, e possuem a coloração verde clara. A aparência de barriga no caule, na verdade, funciona como uma reserva de água, dado o clima seco do cerrado.

A copa florida da paineira se destaca em meio às outras árvores

A copa florida da paineira se destaca em meio às outras árvores

De acordo com o chefe do Departamento de parques e Jardins (DPJ) da Novacap, Alfred Luciano de Castro, a utilização da paineira no paisagismo da cidade levou em consideração seus valores estéticos e de resistência. “É uma planta que chama a atenção por sua beleza. Tem um porte majestoso e uma copa arredondada, que enfeita a cidade quando está florida. Além disso, não é uma árvore que cai com facilidade”, avalia Alfred.

A paineira é uma árvore caducifólia, ou seja, todas as suas folhas caem de uma vez, geralmente antes da floração, que ocorre no verão e no outono. A partir do mês de abril, Brasília começa a ser colorida pelas barrigudas. Suas flores são grandes, com cinco pétalas róseas, que podem variar de tonalidade de região para região. Há também uma variedade menos comum, com flores brancas.

A professora aposentada Maria das Graças, 76, é moradora da SQN 410 há 36 anos e viu as as paineiras sendo plantadas na quadra. “Hoje fico da minha janela admirando a beleza desse bosque de barrigudas. É lindo quando elas começam a florir”, conta, ao esboçar um sorriso no rosto.

As flores da barriguda conquistam a atenção de quem passa pelas ruas do DF

As flores da barriguda conquistam a atenção de quem passa pelas ruas do DF

Os frutos das paineiras são cápsulas verdes grandes, com formato oval, que servem de alimento para muitas espécies de pássaros e insetos. Quando maduros, arrebentam, apresentando as sementes envoltas pela paina, daí o nome paineira, uma fibra branca, fina e sedosa, que auxilia na flutuação e disseminação das sementes ao serem levadas pelo vento.

Quando ocorre a abertura dos frutos, o solo embaixo das paineiras fica coberto pela paina, dando a impressão de que é neve. A paina, ou algodão de paineira, era bastante utilizado no interior do país para o preenchimento de colchões, travesseiros, almofadas, pelúcias, e como forro para selas de montaria.

“A cidade fica coberta de neve quando as barrigudas soltam o algodão. Meu filho me perguntava se aquilo era neve, e eu sempre disse que sim, pois junto com ela vem o frio”, brinca o arquiteto Renato Pereira. Em geral, a partir de junho já possível ver “neve” na cidade.

O formato arredondado do tronco rendeu às paineiras o apelido de "barrigudas"

O formato arredondado do tronco rendeu às paineiras o apelido de barrigudas

Mas, infelizmente, a beleza das paineiras, que encanta a população, não é suficiente para preservá-la da ação de vandalismo. Recentemente, algumas árvores foram criminosamente cortadas nas margens da Estrada Parque Indústria e Abastecimento Norte (EPIA), na altura do Cruzeiro. As árvores impediam a visão de um outdoor no local, e apareceram cortadas da noite para o dia. Uma prática criminosa, na avaliação do chefe DPJ.

“Cortar árvore sem licença é crime, previsto no artigo 51 da Lei de Crimes Ambientais. Pode acarretar, inclusive, na prisão do infrator. Ademais, ao cortar uma árvore por conta própria, essa pessoa está assumindo o risco de causar acidentes”, alerta Alfred. A Novacap notificou a Delegacia do Meio Ambiente, informando sobre a prática criminosa.

 

Deixe uma resposta

Saúde
_DSC0012 Narguilé: Mitos e verdades
Cidadania
Ônibus do banho do bem Projeto social resgata dignidade de quem mora na rua
Economia
É possível encontrar peças dos valores mais variáveis possíveis. Novas formas de consumo sugerem adaptações no mercado da moda

Mais lidas