Meio Ambiente

Série de normas visa preocupação ambiental

Empresas tentam conseguir certificado ISO 14000, que foca na prática sustentável equilibrada com as necessidades sócio-econômicas

A ISO 14000 é uma série de normas, que incluem uso de materiais sustentáveis e descarte zero de resíduos não degradáveis, como requisitos  mínimos de gestão ambiental para conquistar a certificação. As normas são conhecidas pelo Sistema de Gestão Ambiental (SGA), que é definido pela ISO (Organização Internacional de Normalização). O assessor e estrategista de comunicação do Banco do Brasil, Rogério Dias, que trabalha na divisão de economia verde, destaca que a instituição está sempre em busca de formas de se aprimorar na área.

O principal objetivo da ISO e de suas normas é garantir o equilíbrio e a proteção ambiental, prevenindo a poluição e os potenciais problemas que poderiam trazer à sociedade. A mais conhecida das normas da série 14000 é a ISO 14001, que foca na proteção ao meio ambiente de maneira equilibrada com as necessidades sócio-econômicas.

Com as normas em mãos, as empresas interessadas devem implantar um sistema de gestão que atenda aos requisitos. São indicados os requisitos, não a maneira de pôr em prática. Depois de se adequar, a empresa deve contratar um organismo certificador, órgão independente sem qualquer ligação com a entidade ou com o consultor que ajudou na implantação, para confirmar se ela age em conformidade com as regras.

Segundo Rogério, a conquista da certificação pressupõe que todas as esferas da empresa estejam engajadas nas ações. “Nas coletas seletivas, no consumo de água e energia, medição de consumos em geral, atendimento a altas legislações”. Atender requisitos legais, as legislações e, se possível, também avaliar outras questões que ainda não estão em legislação estão, ainda, entre as  metas.

Nas pequenas e médias empresas, que normalmente têm um quadro de funcionários mais enxuto, pode ser difícil colocar alguém da equipe para cuidar do processo de certificação, o que torna o consultor ainda mais necessário. Existem empresas que ajudam outras a se prepararem para conquistarem o certificado, como o Sebrae.

A analista da Gerência de Pesquisa e Desenvolvimento, Isabela Araújo, comenta que a consultoria inclui não só esta, mas várias outras certificações. Ela observa que cada certificação é completamente diferente. “A gente tem alguns consultores que são especialistas em cada uma dessas certificações e  essa consultoria ajuda o empresário a identificar quais os processos dele que é diferente do que a certificação pede”. Ao chegar ao final da consultoria, é feita uma espécie de auditoria interna para ver se todos os processos estão em conformidade com o que a certificação pede.

Segundo Rogério, o aprendizado nas práticas sustentáveis adotadas pela empresa é levado para a comunidade,  condomínios e familiares, o que proporciona uma mudança de comportamento geral. “Então você completa todo ciclo socioambiental separando os resíduos, não poluindo o meio ambiente e ainda coopera no sentido de elevar renda de pessoas mais carentes”.

Deixe uma resposta

Entrevistas
Entrevista Inovar é saber como os outros se comportam
Cidadania
Foto: Ingrid Pires Projeto leva esporte e música a adolescentes em Sobradinho
Cidades
Placas que sinalizam as saídas do parque, quando existem, estão degradadas. Parque da Cidade precisa de sinalização

Mais lidas