Cultura

Brasília é a capital de variedade linguística

A cidade tem grande diversidade de dizeres devido à junção de vários povos e grupos que compõem a população local

Tags:
#estados Brasília dizeres gírias línguas variedade

Brasília pode até não ter um sotaque próprio, mas a diversidade cultural linguística é uma das características mais marcantes da capital. Pelas ruas do DF e comum ouvir interjeições como uai e oxi, muitas vezes, na mesma frase. E além da diversidade linguística, o Distrito Federal adotou e incorporou vários costumes trazidos pelos moradores de outros lugares. Alguns exemplos são  as danças e as comidas típicas. O linguista André Silva dos Reis, 32 anos, afirma que essa variedade começa a partir da junção de um grupo. “A partir do momento em que um grupo começa a se diferenciar de outro nos costumes, na culinária e na arquitetura, por exemplo, a diversidade linguística também passa a existir”, diz.

A operadora de rádio Cristina Borges Pereira, 52 anos, afirma que por diversas vezes usa gírias, dizeres de outros lugares. “Eu costumo usar muitas gírias da minha terra, do Maranhão, por exemplo o não, fia, às vezes sai automaticamente. Gosto de usar também gírias brasilienses, vei, tipo, mas tento não usar com frequência”, explica.

A operadora de telemarketing Gabriela Dias Souza, 19 anos, afirma que usa com frequência as gírias mano, brow. Segundo ela, essa diversidade cultural é importante pois oferece um sotaque variado. “A gente costuma ver essa diversidade linguística como um pouquinho de cada canto do Brasil”, afirma.

André Reis acrescenta que é possível que passe a surgir novas gírias, dizeres e variedades linguísticas e que essa diversidade ocorre devido à evolução cultural. “Assim como a cultura de um povo evolui, também o faz a língua”, conclui.

Notice: Tema sem comments.php está obsoleto desde a versão 3.0 sem nenhuma alternativa disponível. Inclua um modelo comments.php em seu tema. in /var/www/publicacao/jornalismo/site-root/wp-includes/functions.php on line 2957

Deixe uma resposta

Cultura
O taxidermista César Leão em seu ambiente de trabalho Brasília conta com dois museus de taxidermia
Ciência e Tecnologia
Telescópio do Planetário de Brasília Descubra qual a possibilidade de um meteoro atingir a Terra
Esporte
IMG_4988 Distrito Federal pode ser representado no skate na próxima Olimpíada

Mais lidas