Educação

Projeto de yoga melhora desempenho escolar de crianças em escola na Asa Sul

Iniciativa começou no ano passado e atende quinzenalmente aproximadamente 200 alunos

Um projeto de yoga leva a prática para cerca de 200 alunos em uma escola na Asa Sul. Segundo relatos dos professores, eles ficaram mais calmos e com maior facilidade de concentração, o que melhorou o desempenho escolar deles. As aulas acontecem quinzenalmente para crianças entre 6 e 10 anos – do 1º ao 4º ano.

A iniciativa, sem fins lucrativos, teve início no ano passado e a primeira escola a ter o projeto implementado foi a CEF Planalto da 314 Sul. “O mais interessante é que a yoga chega com uma parte de consciência corporal, da consciência do equilíbrio, da consciência do espaço, trabalha a respiração e tudo isso impacta no desenvolvimento do cérebro da criança e, consequentemente, no aprendizado também”, afirmou o coordenador do projeto, João Santoro.

Além da prática física, o grupo trabalha em conjunto com os professores de acordo com o “Movimento Pedagogia das Virtudes”, que consiste em despertar valores éticos universais e imponderáveis para a construção de uma sociedade mais justa e harmoniosa. A virtude trabalhada na última semana foi “amizade”, então as crianças desenvolvem atividades em cima do tema.

O projeto conta com sete voluntários e para que seja ampliado, precisa de mais pessoas dispostas a contribuir. “Nosso sonho é expandir o projeto, mas por enquanto estamos apenas com essa estrutura. ”

A voluntária do projeto, Ana Cristina Lima, percebeu mudanças de comportamento dos alunos. “Tínhamos alunos que eram dispersos e tiravam a atenção dos outros. Após as aulas de yoga, houve uma melhora visível. Ficaram mais atentos, proativos e mais solícitos. ”

Especialistas defendem que os benefícios da prática da yoga para as crianças são: concentração e equilíbrio, ansiedade e estresse, ausência de competitividade, flexibilidade, respiração, empatia, conhecimento sobre o corpo, amor ao próximo, autonomia e motivação.

Coordenador do projeto, João Santoro e voluntária, Auristela Brito

Coordenador do projeto, João Santoro, e voluntária, Auristela Brito

    Notice: Tema sem comments.php está obsoleto desde a versão 3.0 sem nenhuma alternativa disponível. Inclua um modelo comments.php em seu tema. in /var/www/publicacao/jornalismo/site-root/wp-includes/functions.php on line 2957

    Deixe uma resposta

    Educação
    GabrielLino_03 Insight no ensino brasileiro
    Meio Ambiente
    Jardim montado na casa de Juscilene Lima Conheça a história de quem trabalha para salvar o meio ambiente
    Comportamento
    FOTO 1 PRODUÇÃO9 População brasileira desrespeita o isolamento social

    Mais lidas